A CRISE PERDE FORÇA E É INEVITÁVEL A REVERSÃO


As atuais turbulências que tanto incomodam o Brasil e todos os brasileiros certamente chegam ao fim, talvez deixando um saldo negativo e certamente um rastro de desânimo que todos devemos nos unir para reverter. Vamos aproveitar para uma recuperação geral: política, econômica e social.

Duas hipóteses: o presidente Michel Temer ficaria ou seria substituído. Em qualquer das duas hipóteses a recuperação poderia ser revertida porque o Brasil é um País com enormes possibilidades, se contar com todas as suas forças.

O mais difícil será congregar todas as forças políticas neste propósito comum. Será necessário unir todos os contendores das rivalidades atuais . É preciso que, do contrário, todos perderemos. Os dois lados perderão se não jogarmos os rancores no lixo.

O Brasil é um País com potencial para vencer qualquer crise, embora assumindo consequências. Dizíamos até pouco tempo que o Brasil tinha todas as riquezas naturais – minerais e potencial agrícola , E mesmo na atual crise, o setor agrícola continua mantendo superávit crescente, e ainda não utilizamos todo o nosso potencial de produção rural. Não temos lutas internas, regionais, religiosas ou raciais.

Naturalmente, temos de ser rigorosos com quem tiver cometido ilegalidades comprovadamente, inclusive a criação de crises para ocultar seus problemas. Resolvida essa questão, o Brasil voltará a crescer, se der prioridade a aspectos econômicos de entendimento internacionalmente definidos: prioridade para a educação e tendências tecnológicas, tais como a Indústria 4.0 .

O Brasil é um País valorizado por ter uma população sem conflitos separatistas e com um território com potencial agro-pecuário e riquezas minerais. Vivemos um momento político de mudanças e expectativas de transformações tecnológicas.

Há um consenso na população de que é preciso aproveitar melhor as riquezas do território e o momento de transformações tecnológicas que o mundo oferece.

Passamos por um momento de paralisação política e econômica causada por acidentes de percurso, mas tudo indica que podemos ter serenidade política, iniciativa empresarial e utilizar recursos tecnológicos para reverter o retrocesso em que nos encontramos.

A expectativa da reversão

Para um País com condições privilegiadas de clima, terras agricultáveis, população sem conflitos relevantes o pessimismo reinante pode ser revertido. Prioridade para a Educação em todos os níveis e transformação do processo produtivo = especialmente com a adoção da Indústria 4.0 esta è nossa bandeira. Inclusive apoiando cursos de Educação à Distância, banco de estágios, testes com prêmios, debates ao vivo, espelhados no Portal - com artigos assinados dos alunos participantes, etc.

Foco na tecnologia, para resolver problemas atuais, e na educação para que as futuras gerações não façam o Brasil retroceder

As indefinições institucionais são as maiores responsáveis pelo pessimismo generalizado e pelos temores de que cresçam as divergências entre os dois lados da divergência nacional. O segundo fator do pessimismo é a desconfiança de que a recuperação, se vier, demore muitos anos.

Uma causa nacional

O Brasil é um caso de sucesso na trajetória latinoamericana. Mas corre o risco de construir um futuro tão inutil quanto a Venezuela, se não reafirmar suas opções de futuro. O clima geral de indefinição e de incerteza.

Será uma grande frustração se este País que conta com tantas vantagens no contexto mundial aceitar sem opções nacionais.

Se a desilusão assumir o destino do País e isto poderia acarretar danos de natureza desastrosa para milhões de brasileiros, que pensavam estar no caminho de um Brasil Grande.

Precisamos entender os desafios e adotar uma decisão corajosa.

Talvez seja possível conseguir reerguer o País velozmente, rigoroso com as distorções, mas rigoroso com a justiça que rege a vida coletiva, com menos diferença de níveis de renda e mais expectativa coletiva.

Onde se lê intolerância, vamos ler correção.



Publicidades






 
                                                           
|
|
|
|
|